Quem somos?

Equipa Coordenadora e programa | 2018-2020 [aqui]

Enquadramento [aqui]

Contato: sceav@aps.pt

Congresso Português de Sociologia – apelo à apresentação de resumos

XI Congresso Português de Sociologia Identidades ao Rubro: diferenças, pertenças e populismos num mundo efervescente

29 – 31 março, 2021 | presencial e online

Envio de propostas de comunicações e/ou posters até 20 de outubro!

Lisboa | ESPP/ISCTE-IUL – ICS-ULisboa

 Veja a call da ST Sociedade Civil, Economias Alternativas, Voluntariado [PT][EN]


Dada a situação de pandemia a data de realização do XI Congresso, inicialmente marcada para 29 de junho a 1 de julho de 2020, passou para 29 a 31 de março de 2021.

As propostas já submetidas e os resultados da avaliação mantêm-se.

Será possível a submissão de novos resumos sem prejuízo dos que já estão submetidos e aceites.

Considerando o adiamento para o ano seguinte o que poderá reflectir-se, em alguns casos, na necessidade que os/as autores poderão ter de atualizar dados ou informações, será possível também fazer-se a atualização dos resumos já aceites, quando tal for necessário e relevante para a comunicação em causa.

Os novos resumos que venham a ser submetidos bem como os já aceites mas que forem alterados serão sujeitos a avaliação.

Novo calendário do XI Congresso[aqui]

Veja aqui o Programa Breve do XI Congresso Português de Sociologia

Site do XI Congresso: https://xi-congresso-aps.eventqualia.net


20 de novembro de 2020 | 17h00 – 19h00 – Online

Zoom: https://videoconf-colibri.zoom.us/j/93719225323?pwd=L2F6OEVHYWYwM2p1Y3hEcGJXSjRpQT09

A Secção Temática Sociedade Civil, Economias Alternativas, Voluntariado da APS, criada em 2018, realiza o seu primeiro encontro particular no dia 20 de Novembro de 2020. Em colaboração com a FLUP e com a FEUC, reunimos online para partilhar experiências e debater Os Desafios do Distanciamento nas Organizações de Proximidade. O objectivo é, pois, reflectirmos sobre a situação pandémica do ponto de vista…:
– das organizações da chamada economia do cuidado, onde serviços de proximidade são afectados por novos requisitos legais e pressões na gestão dos seus recursos humanos (como lares onde se apelou a uma rápida substituição de profissionais),
– das oportunidades de expansão e sustentabilidade da chamada economia da reciprocidade (de cooperativas fornecedoras de cabazes alimentares a grupos de inter-ajuda).
Apelamos, assim, à participação e divulgação deste encontro.
As coordenadoras da ST SCEAV

Programa
Apresentação e moderação: Cristina Parente (FLUP), Raquel Rego (ICS-ULisboa), Sílvia Ferreira (FEUC)
Experiências do distanciamento
Alexandra Silva – O Abrigo – Centro de Solidariedade Social de São João de Ver
José Nuno Matos – Coletivo RDA, Lisboa
Ana Massas – Sindicato dos Trabalhadores da Saúde, Solidariedade e Segurança Social, Lisboa
Comentário: Graça Rojão – Coolabora e Universidade da Beira Interior, Covilhã
Debate

Organização
Secção Sociedade Civil, Economias Alternativas e Voluntariado, da Associação Portuguesa de Sociologia
Mestrado em Intervenção Social, Inovação e Empreendedorismo da FE-UC
Licenciatura em Sociologia da FLUP